Este projeto foi Finalizado com sucesso!
Adicionar ao Bookmark

Wilson das Neves - Se Me Chamar, Ô Sorte

link
incorporar

Copie e cole o código abaixo no seu site/blog

Histórias não faltam na carreira de Wilson das Neves. Cantor, compositor e um dos bateristas mais atuantes da Música Popular Brasileira, começou a tocar na década de 50 em orquestras e conjuntos e em mais de cinqüenta anos decarreira, acompanhou artistas nacionais como Ney Matogrosso, João Bosco, Maria Bethânia, Gal Costa, Emílio Santiago, Nelson Gonçalves, Caetano Veloso, Gilberto Gil, Alcione, Tom Jobim, Miucha, Elis Regina, Egberto Gismonti, Wilson Simonal, Elizeth Cardoso, Roberto Carlos, Carlos Lyra, Francis Hime e artistas internacionais como Michel Legrand, Toots Thielemans, Sarah Vaughan e Sean Lennon. Tudo isso além de ter liderado orquestras e ter lançado 6 álbuns instrumentais como o antológico “O Som Quente é o Das Neves”, de 1976.

Desde 2003, Das Neves também faz parte da bigband Orquestra Imperial, onde canta, toca e compõe ao lado jovens artistas da cena carioca como Rodrigo Amarante ( Los Hermanos), Moreno Veloso, Domenico, Kassin, Nina Becker, Thalma de Freitas, Rubinho Jacobina, Berna Ceppas, Rodrigo Bartolo e Pedro Sá.

Como compositor, é parceiro de Aldir Blanc, Paulo Cesar Pinheiro, Nei Lopes, Ivor Lancellotti,Arlindo Cruz, Claudio Jorge, Moacyr Luz e Chico Buarque, com quem toca desde 1982.

Se descobriu como cantor e passou a ser intérprete de suas próprias composições quando já estava aos 68 anos em seu disco "O Som Sagrado de Wilson das Neves" (1996). Depois vieram mais dois: "Brasão de Orfeu" e o premiado "Pra Gente Fazer Mais Um Samba" – pelo qual foi indicado como "Melhor Cantor" e ganhador como "Melhor Álbum de Samba" no Prêmio da Música Brasileira de 2011.

Agora, Das Neves prepara seu novo trabalho, intitulado “Se Me Chamar, Ô Sorte” e convida o público para participar do processo. Com direção musical do próprio Wilson das Neves e de Paulo Cesar Pinheiro e co produção de Berna Ceppas, Kassin e André Tandeta, o disco conta ainda com as participações dos músicos José Carlos Bigorna, João Rebouças, Jorge Helder, Armando Marçal Filho, Zero, Chiquinho Chagas, Vittor Santos, Zé Trambique e outras feras. Todas as músicas são de autoria do Wilson das Neves e as letras são assinadas em parceria com diversos compositores, como Paulo Cesar Pinheiro, Nelson Sargento, Claudio Jorge e Chico Buarque.

Convidamos a todos para participarem desse projeto dando a sua contribuição. Pra cada contribuição, uma recompensa diferente. Vejam as opções na lista ao lado.

Credito da foto: Dan Behr

Gastos do projeto

Aluguel estúdios (Cia. dos Técnicos e Monaural), Gravações, Mixagem, Masterização, Equipe Técnica, Mídias, Transportes e equipamentos R$ 20.000,00
Contratações Músicos, Arranjadores, Assistência de Produção, Transportes artistas R$ 25.000,00
Produção Capa, Fotos, Making Of, Filmagens, Gráfica, Fabricação/Prensagem, Distribuição, Assessoria de Imprensa R$ 15.000,00

Biografia do Artista:

Como baterista, Das Neves é uma referência na música brasileira e internacional, com mais de 600 (seiscentas) gravações registradas e 6 (seis) álbuns instrumentais como band leader. Como Cantor, ele soma 3 (três) lançamentos sendo, o último, o premiadíssimo "Pra Gente Fazer Mais Um Samba".
WILSON DAS NEVES agora prepara seu 4º álbum solo como cantor e compositor (parceiro de nomes como Chico Buarque, Aldir Blanc, Paulo Cesar Pinheiro, Arlindo Cruz, Nei Lopes, Luiz Carlos da Vila e muitos mais) e "Se Me Chamar, Ô Sorte" é o título deste disco que celebra a carreira deste grande artista brasileiro, dono da seguinte Biografia:

Aos 14 anos, levado pelo percussionista Edgar Nunes Rocca, "O Bituca", iniciou-se na música. Mais tarde, o mesmo Bituca o levou para tocar na Escola Flor do Ritmo, no subúrbio carioca do Méier.

Aos 21 anos, estreou como baterista na Orquestra de Permínio Gonçalves.

A partir da década de 1950 atuou em shows e gravações com os principais nomes da MPB. Acompanhou a pianista Carolina Cardoso de Meneses entre 1957 e 1958. Neste mesmo ano de 1958, passou a integrar o Conjunto Ubirajara Silva e, no ano seguinte, fez a sua estréia em estúdio gravando pela Copacabana Discos.

Participou de vários conjuntos, entre eles o de Steve Bernard em 1963, da Orquestra de Astor Silva em 1964, do Conjunto de Ed Lincoln em 1965, da Orquestra da TV Globo do Rio de Janeiro e da Orquestra da TV Excelsior de São Paulo. Ainda em 1968, atuou como baterista da Orquestra do Maestro Cipó na TV Tupi de São Paulo. Neste mesmo ano, gravou pela Odeon o LP "Elza Soares - Baterista: Wilson das Neves". No disco, ambos interpretaram "Balanço zona sul" (Tito Madi), "Garota de Ipanema" (Tom Jobim e Vinicius de Moraes), "Copacabana" (João de Barros e Alberto Ribeiro) e "Saudade da Bahia", de Dorival Caymmi, entre outras. No ano seguinte, pela gravadora Polydor, lançou o disco "Som quente é o Das Neves", no qual incluiu "Se você pensa" (Roberto Carlos e Erasmo Carlos), "Irene" (Caetano Veloso), "Jornada" e "Wilsamba" (composta em homenagem à batida singular do baterista), ambas de autoria de Roberto Menescal.

Entre 1966 e 1973, trabalhou com o maestro Copinha, Elza Soares, Elis Regina, Wilson Simonal, Elizeth Cardoso e Roberto Carlos.

No ano de 1970, gravou o LP "Samba Tropi - Até aí morreu Neves", pela Etiqueta Elenco/Philips, no qual incluiu "Essa moça tá diferente" (Chico Buarque), "Sarro" (Erlon Chaves) e "Feira", de Nonato Buzar e Mônica Silveira.

Em 1976, lançou o disco "O som quente é o Das Neves". pela gravadora Copacabana, no qual interpretou de sua autoria "Sá nega", em parceria com Ineres e Geraldo Barbosa, além de gravar sucessos como "Berimbau" (Baden Powell e Vinicius de Moraes), "O canto do pajé" (Villa-Lobos e C. Paulo Barros) e "Os caras querem", de João Donato e Orlandivo.

Entre 1980 e 1990 trabalhou com Chico Buarque, Ney Matogrosso e João Donato, entre muitos outros.

Em 1996, lançou o CD "O som sagrado de Wilson das Neves" pela gravadora CID, com 14 composições suas, 13 em parceria com Paulo César Pinheiro e uma em parceria com Chico Buarque. O disco, agraciado com o Prêmio Sharp,trouxe as participações especiais de Chico Buarque em "Grande Hotel" (c/ Chico Buarque), em "Som Sagrado" (c/ Paulo César Pinheiro), a participação de Paulo César Pinheiro e ainda a participação especial de João Nogueira em "Um samba pro Ciro Monteiro". Neste mesmo ano, o grupo Toque de Prima gravou uma composição de sua autoria "O samba é meu dom", em parceria com Paulo César Pinheiro, que deu nome ao disco do grupo lançado pela gravadora Velas.

No ano 2000, ao lado de Nelson Sargento, Walter Alfaiate, João de Aquino e Mariana de Moraes, participou do show em homenagem a Darci do Jongo, no Ballroom, no Rio de Janeiro. Neste mesmo ano o Quinteto em Branco e Preto, grupo formado por jovens músicos e compositores da periferia de São Paulo, lançou, pela gravadora CPC-UMES, o CD "Riqueza do Brasil", no qual fez participação especial ao lado de outros artista como Almir Guinéto, Velha Guarda da Camisa Verde e Branca, Beth Carvalho e Mauro Diniz.

Em 2001 participou do disco "Quintal do Pagodinho" produzido por Rildo Hora. Neste CD, idealizado por Zeca Pagodinho, foram reunidos vários compositores, entre eles Efson, Bidubi, Alamir, Octacílio da Mangueira, Leandro Dimenor, Rixxah, Barbeirinho do Jacarezinho, Luiz Grande, Dunga, Zé Roberto, Maurição, Carlos Roberto, Jorge Macarrão e Luizinho Toblow. Ainda em 2001, participou do disco "Brasileira", da cantora e compositora capixaba Katia Rocha. No CD, ao lado de Luciana Rabello, participou da faixa "Minha ilha" de autoria de Francisco Velasco. Fez participação especial no disco "Nome sagrado - Beth Carvalho canta Nelson Cavaquinho", no qual interpretou em dueto com a cantora a faixa "Degraus da vida" de autoria de Nelson Cavaquinho, César Brasil e Antônio Braga. Participou do disco "Coisa de chefe", de Cláudio Jorge, no qual interpretou em dueto com o anfitrião, uma parceria de ambos, "E o vento levou", sendo também incluída no CD, outra composição de autoria de ambos, "O que é o carnaval".

Em 2002 participou do "Projeto Novo Canto", no qual apresentou Luciane Menezes, Ângelo Vidor e grupo Dobrando a Esquina, em show no Sesc de Copacabana, no Rio de Janeiro.

No ano de 2003 foi um dos convidados de Wilson Moreira na roda de samba que o compositor apresentava no Centro Cultural Lapases, na Lapa, centro do Rio de Janeiro. Neste mesmo ano, fez show de lançamento do CD "O som sagrado de Wilson das Neves" no Mistura Fina, na Lagoa, Zona Sul do Rio de Janeiro. Na ocasião, além do repertório do CD, mostrou diversas composições inéditas: "Ensinamento" (c/ Paulo César Pinheiro), "Tudo o que vivi" (c/ Moacyr Luz). Walter Alfaiate gravou no disco "Samba na medida" a faixa "Essa é pra quem bebe", (c/ Paulo César Pinheiro).

Em 2004 no Centro Cultural Carioca foi apresentado o curta-metragem "O samba é meu dom", no qual o compositor contou detalhes de sua vida. No filme ainda constou a participação especial de Chico Buarque, Miúcha e da Velha-Guarda do Império Serrano.

Entre seus vários parceiros também consta Guilherme de Brito. Ainda em 2004 lançou no Centro Cultural Carioca o CD "Brasão de Orfeu", no qual incluiu "Imperial" (c/ Aldir Blanc), "Jóia perdida" (c/ Paulo César Pinheiro), "Fonte do prazer" (c/ Cláudio Jorge), "Ensinamento" (c/ Paulo César Pinheiro), "Samba pra mim mesmo" (c/ Paulo César Pinheiro), "Lupiciana" (c/ Nei Lopes), "Enganos" (c/ Ivor Lancelotti), "De muito longe" (c/ Délcio Carvalho), entre outras. Ainda em 2004, no disco "Daqui, dali e de lá", o grupo Toque de prima gravou de sua autoria "Ensinamento" (c/ Paulo César Pinheiro).

No ano de 2005, com Wanderley Monteiro e Walter Alfaiate, apresentou o show "WWW.Samba", no Centro Cultural Carioca.

Como baterista trabalhou com Sarah Vaughan, Michel Legrand, Clara Nunes, Chico Buarque, Elizete Cardoso, Beth Carvalho, Roberto Carlos, Elis Regina e Elza Soares, entre quase todo o elenco da MPB.

Desde 2003 é integrante do combo carioca Orquestra Imperial, sendo cantor e compositor parceiro dos jovens integrantes do grupo, excursionando Brasil e exterior, a exemplo do projeto Os Ipanemas, da gravadora londrina FarOut.

Em 2011, Das Neves lançou seu terceiro e elogiado CD como cantor e compositor, ‘Pra Gente Fazer Mais um Samba’ no Brasil e Europa. Indicado Melhor Cantor pelo Premio da Música Brasileira 2011 e vencedor como Melhor Álbum de Samba.

Em 2012, além de destacada participação em shows de Chico Buarque, onde canta duas músicas e toca bateria nas demais, Wilson está gravando seu próximo disco que terá título “Se Me Chamar, Ô Sorte”, grava o próximo da bigband Orquestra Imperial – onde também canta, toca e compõe.

Para seu disco solo, ele conta com apoio do sistema de contribuição coletiva (crowdfunding) através do site Embolacha.com.br

Saiba mais:

http://www.facebook.com/wilsondasneves
http://www.youtube.com/watch?v=1jpEgKePXeo
http://www.youtube.com/watch?v=AG6KgiY8xWA
http://www.youtube.com/watch?v=DZJLIscnX_w
http://www.facebook.com/wilsondasneves
http://www.myspace.com/wilsondasneves
http://www.diversaoearte.com/

Autor do projeto:

diversãoearte

Pedro Montenegro

09/06/2012

Este usuário também apoia mais 3 projetos

Diversão e Arte

09/06/2012

SIDNEY JUNIOR

09/06/2012

Paula Assis

08/06/2012

Maria Silva

08/06/2012

Beatriz Ribeiro

08/06/2012

Camila De Carli

08/06/2012

Bolacha

08/06/2012

Este usuário também apoia mais 1 projeto

Cinthya sousa

08/06/2012

Rodrigo Ferreira

08/06/2012

Este usuário também apoia mais 2 projetos

Fabio Shimada

08/06/2012

Fabio de Souza

07/06/2012

Este usuário também apoia mais 1 projeto

Maria Fernandes

06/06/2012

Otto Lima

05/06/2012

Viviane Vianna

05/06/2012

Alda Mazzotti

05/06/2012

Mauro Oliveira

04/06/2012

Este usuário também apoia mais 1 projeto

Paulo Prochno

04/06/2012

Este usuário também apoia mais 1 projeto

José Cartaxo

04/06/2012

Eduardo Ades

04/06/2012

Este usuário também apoia mais 1 projeto

Henry Schroy

04/06/2012

Julio Worcman

04/06/2012

Anamaria Moreira

04/06/2012

Este usuário também apoia mais 1 projeto

Isabel Moreira

03/06/2012

Este usuário também apoia mais 2 projetos

Cizenando Junior

02/06/2012

Priscila Jardim

31/05/2012

Daniel Durao

30/05/2012

Pedro Peixoto

29/05/2012

eufrásia virgens

26/05/2012

jorge

26/05/2012

Giovana Pereti

25/05/2012

Jaime Gava

25/05/2012

David Nigri

25/05/2012

Natasha Corbelino

24/05/2012

Guilherme Drumond

24/05/2012

Wellington Lima

23/05/2012

Aurora Navarro

23/05/2012

FABIO FLOR

23/05/2012

Marcelo Cabanas

22/05/2012

Leonardo Brandão

22/05/2012

Cláudio Menezes

22/05/2012

Luis Saporta

21/05/2012

Este usuário também apoia mais 1 projeto

maria scalon

21/05/2012

Roberta de Freitas

21/05/2012

Sérgio Santos

21/05/2012

Renato Esberard

21/05/2012

Patrícia Coelho

16/05/2012

Mariana Brunelli

16/05/2012

Este usuário também apoia mais 1 projeto

daniel conceição

16/05/2012

Lidia Pena

15/05/2012

Maria Pinheiro

15/05/2012

Sandra Portugal

15/05/2012

Andre Fortunato

10/05/2012

Pedro Veríssimo

08/05/2012

Erichson Alves

07/05/2012

Deilson Antônio

07/05/2012

Rafael Silva

03/05/2012

Comancheros

03/05/2012

Paulo Trindade

24/04/2012

Raissa Colela

24/04/2012

Este usuário também apoia mais 2 projetos

Cristiane Rosas

21/04/2012

Pedro Monte

19/04/2012

Este usuário também apoia mais 2 projetos

Marcus Oliveira

18/04/2012

Piu Gomes

18/04/2012

patrik schulze

17/04/2012

Roberto Frejat

17/04/2012

Este usuário também apoia mais 1 projeto

mmmattos

15/04/2012

Silvio Silva

15/04/2012

Marie Polidorio

13/04/2012

Este usuário também apoia mais 1 projeto

Renata Ahrends

13/04/2012

Jeronymo Machado

11/04/2012

Albenise Ricardo

11/04/2012

Carlos Andreazza

11/04/2012

Lucas Carvalho

11/04/2012

Heitor Mello

11/04/2012

DORA TABORDA

11/04/2012

alcides machado

11/04/2012

Marilia Tandeta

10/04/2012

Thiago Vedova

10/04/2012

Este usuário também apoia mais 10 projetos

Pedro Iskin

10/04/2012

Este usuário também apoia mais 4 projetos

paulo

10/04/2012

Este usuário também apoia mais 18 projetos

R$ 60.150,00 no caixa

 
100% Projeto valendo!

82 participantes

contribuição mínima
R$ 20,00

prazo final

09/06/2012

meta do projeto

R$ 60.000,00

Quem participa desse projeto tem as seguintes recompensas:

R$ 30.00 +

Você ganha um link para o download do disco antes do lançamento e um e-mail pessoal de agradecimento!

6 Participantes
R$ 50.00 +

Você recebe o link para o download do disco e mais 01 copia do CD autografado via correio! NOVO: Seu nome nos agradecimentos do encarte!

51 Participantes
R$ 150.00 +

Além do link para download, do CD autografado e seu nome nos agradecimentos, você ganha 01 ingresso para o show de lançamento no Rio de Janeiro! NOVO: Com direito a visita no camarim e fotos depois do show!

8 Participantes
R$ 200.00 +

Você recebe 01 convite para um show da Orquestra Imperial (com Wilson, claro) e mais 01 CD autografado (retirado no show), o link para download, o CD autografado, o nome no encarte e um e-mail pessoal de agradecimento!

2 Participantes
R$ 250.00 +

NOVO: Voce e + 1 acompanhante participam de um churrasco caprichado com direito a uma visita ao Jardim Suspenso do Wilson das Neves, em sua residencia, na Ilha do Governador no RJ, e ainda leva 01 CD autografado + Seu nome nos agradecimentos + Download do disco + agradecimento por e-mail

Disponíveis 6 de 10
R$ 500.00 +

Essa é pra quem toca bateria ou gosta do instrumento: Você participa de uma Palestra/Conversa com o Wilson das Neves no Rio sobre ritmos e ainda leva 01 CD autografado + agradecimento no encarte + Download do disco + agradecimento por e-mail (a Palestra será marcada em data e local de acordo com a disponibilidade do artista).

0 Participantes
R$ 2000.00 +

Você e + 09 acompanhantes participam de um churrasco caprichado e exclusivo com direito a uma visita ao Jardim Suspenso do Wilson das Neves em sua residência, na Ilha do Governador, no RJ, e ainda leva 01 CD autografado + Download do disco + agradecimento por e-mail

Disponíveis 1 de 2
R$ 10000.00 +

Você ganha 01 show exclusivo, feito só para você e seus convidados, em qualquer lugar do Rio de Janeiro + 10 discos autografados! (Atenção: O show deve ser marcado com antecedência, conforme disponibilidade do artista. Os custos com equipamentos de som e luz não estão incluídos e são de responsabilidade do participante)

Disponíveis 1 de 2

Conheça agora outros projetos ou crie o seu!